Palavras chave, colectiva, curadoria Ilídio Salteiro

FORMA INFORME«Abalar o mundo figurativo é colocar em questão as garantias da existência. O ingénuo acredita que a figura é a experiência mais segura que o homem tem de si mesmo, e não ousa negar esta certeza, embora suspeite a existência de experiências interiores. Ele imagina que, ao contrário do abismo da experiência interior, a experiência directa do seu corpo constitui a unidade biológica de maior certeza. […]
O corpo humano, padrão de todas as formas, contem todos os elementos. A cabeça é uma bola, as pernas colunas cilíndricas, o torso um cubo, etc. Nos apreendemos os objectos e a natureza porque são construídos com formas humanas e a arte tectónica não é mais do que o colocar em conformidade do mundo exterior com os seus elementos fundamentais que vêm do homem.»
Carl Einstein, 1929-30 in Documents

E é justamente o corpo humano que conecta o presente trabalho a Palavras Chave. Mas em vez de certeza e organização este trabalho aponta para a incerteza e a desorganização da forma humana. A forma humana desfigurada, acefálica, animal, horizontal, ou seja, informe. Tudo dentro do convencionalismo da fotografia, claro está.
Exposição colectiva de alunos da Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa (FBAUL), no Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG) em Lisboa, de 26 de Outubro a 19 de Novembro de 2011.
Palavras Chave tem curadoria de Ilídio Salteiro com trabalhos de Ana do Souto Vasques, Anabela Mota, Ângela Rodrigues, Luís Barata, Marco Moreira, Matilde Mendes, Margarida Cardoso, Miguel Proença, Samuel Duarte e Tiago Pereira de Alexandre.
Ligação ao ISEG Dra. Amélia Branco (muito obrigado!).
Mais informação: Texto de ilídio Salteiro -curador, site ISEG, Agenda Cultural,  Jornal Expresso.